República Dominicana , México , Colômbia , Brasil e Chile
Feature

Destaque: Investimento estrangeiro direto na América Latina

Bnamericas
Destaque: Investimento estrangeiro direto na América Latina

O investimento estrangeiro direto (IED) na América Latina e no Caribe cresceu acentuadamente em 2021, mas a continuidade da recuperação este ano está em risco em meio às incertezas globais.

“Há sinais claros de desaceleração da economia global este ano, então será difícil replicar um aumento adicional de IED na região em 2022”, afirmou à BNamericas Luciano Rostagno, estrategista-chefe da América Latina do Banco Mizuho.

“No entanto, temos que considerar que, diante da guerra da Rússia na Ucrânia, há uma percepção dos investidores de que a região da América Latina, estando longe de conflitos e tendo visto um impacto positivo nos preços das commodities, poderia ver um certo impulso de investimento”, acrescentou.

O IED na América Latina e no Caribe atingiu US$ 134 bilhões no ano passado – um aumento de 56%, de acordo com o Relatório de Investimentos Mundiais da Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento (UNCTAD). Apesar da recuperação, o valor ficou abaixo dos US$ 159 bilhões no pré-pandemia de 2019.

A recuperação foi impulsionada por um recorde de 317 projetos greenfield no setor de TIC da região, representando um aumento anual de 61%.

Dos 10 países que registraram o maior IED do mundo no ano passado, dois foram da América Latina, com o Brasil em sexto lugar e o México em 10º.

BRASIL

O Brasil registrou US$ 50 bilhões em IED no ano passado – aumento de 78% devido à recuperação dos investimentos nos setores de agronegócio, fabricação de automóveis, eletrônicos, tecnologia da informação e serviços financeiros.

O valor dos projetos greenfield anunciados aumentou 35%, enquanto o número de acordos internacionais de financiamento de projetos aumentou 32%, declarou a UNCTAD.

Entre os negócios internacionais de project finance, o maior foi a construção de um parque eólico offshore por US$ 5,9 bilhões, patrocinado pela Ocean Winds, fornecedora espanhola de energia.

MÉXICO

A economia mexicana viu o IED aumentar 13%, para US$ 32 bilhões, enquanto o número de anúncios de investimentos greenfield aumentou 43%.

O setor de TIC atraiu a maioria dos investimentos no ano passado, com a gigante chinesa Huawei anunciando que abriria um datacenter em nuvem de US$ 4,5 bilhões no país.

CHILE

O IED no Chile aumentou 32%, para US$ 13 bilhões, impulsionado por várias grandes aquisições e interesse renovado em projetos de mineração.

O número de negócios internacionais de project finance no país saltou 80%. Um dos maiores foi a construção de uma usina de amônia de US$ 3 bilhões por um grupo de investidores, incluindo Copenhagen Infrastructure Partners, Austria Energy Group e Oko Wind Erneuerbare Energieerzeugung.

OUTROS PAÍSES

A Colômbia registrou US$ 9 bilhões em IED no ano passado – um aumento de 26% devido aos investimentos em manufatura, transporte, logística e serviços de comunicação.

A República Dominicana, maior receptora de IDE do Caribe em 2021, teve um aumento de 21%, para US$ 3,1 bilhões.

Tenha acesso à plataforma de inteligência de negócios mais confiável da América Latina com ferramentas pensadas para fornecedores, contratistas, operadores, e para os setores governo, jurídico e financeiro.

Assine a plataforma de inteligência de negócios mais confiável da América Latina.

Outros projetos em: Energia Elétrica (Brasil)

Tenha informações cruciais sobre milhares de Energia Elétrica projetos na América Latina: em que etapas estão, capex, empresas relacionadas, contatos e mais.

Outras companhias em: Energia Elétrica (Brasil)

Tenha informações cruciais sobre milhares de Energia Elétrica companhias na América Latina: seus projetos, contatos, acionistas, notícias relacionadas e muito mais.

  • Companhia: Grupo Lara
  • A descrição contida neste perfil foi extraída diretamente de uma fonte oficial e não foi editada ou modificada pelos pesquisadores da BNamericas, mas pode ter sido traduzida aut...
  • Companhia: Caramuru Alimentos S.A.  (Caramuru)
  • A descrição incluída neste perfil foi retirada diretamente de fonte oficial e não foi modificada ou editada pelos pesquisadores do BNamericas. No entanto, pode ter sido traduzid...
  • Companhia: Canadian Solar Brasil
  • A descrição incluída neste perfil foi tirada diretamente de uma fonte de IA e não foi editada ou modificada pelos pesquisadores da BNamericas. No entanto, pode ter sido traduzid...
  • Companhia: Consorcio Construtor Elastri Engeform  (CCEE)
  • Consórcio Construtor Elastri Engeform é uma empresa formada pela Elastri Engenharia S.A. e Engeform Construções e Comércio para a execução dos empreendimentos EOL Serra das Alma...