Brasil , Argentina , Peru , México , Colômbia e Chile
Notícias

De olho nos resultados, financiamentos e investimentos no setor de TIC da América Latina

Bnamericas Publicado: sexta-feira, 21 outubro, 2022
De olho nos resultados, financiamentos e investimentos no setor de TIC da América Latina

A América Latina foi a região de maior crescimento para a Nokia no terceiro trimestre, com 20% de aumento nas vendas líquidas ano a ano em moeda constante, chegando a € 334 milhões de (US$ 327 milhões), de acordo com números divulgados recentemente.

O aumento se deve principalmente aos segmentos de redes móveis e infraestrutura de rede, em especial redes fixas, informou o provedor finlandês.

A América Latina também foi a região com melhor desempenho até setembro, com um crescimento de 27% nas vendas, totalizando € 835 milhões.

No mundo, a empresa informou que adicionou 30 novos clientes de rede privada no terceiro trimestre, chegando a 515.

***

A rival sueca Ericsson reportou um crescimento de 6% nas vendas na região de mercado combinada da Europa e América Latina no terceiro trimestre. As vendas somaram 15,5 bilhões de coroas suecas (US$ 1,37 bilhão).

A região combinada respondeu por 22% do total de vendas globais da Ericsson no período, de acordo com seu relatório trimestral mais recente. Do início do ano até setembro, as vendas na Europa e América Latina foram de 45,9 bilhões de coroas, um aumento de 12% ano a ano, perdendo apenas para a América do Norte.

A Ericsson não detalha os resultados específicos da América Latina.

Sem detalhar o número de projetos, a empresa também informou que quase dobrou as vendas de soluções sem fio corporativas (redes privadas) no terceiro trimestre em relação ao ano anterior.

***

Os negócios caíram 10% em volume e 38% em valor divulgado na América Latina nos primeiros nove meses do ano, em comparação com o mesmo período de 2021, de acordo com o último relatório sobre a região publicado pela Transactional Track Record (TTR).

A região registrou um total de 2.455 transações até setembro, incluindo fusões e aquisições, private equity, venture capital e transações de aquisição de ativos, mostram dados da TTR compilados com informações da Dataxis e AON. Entre os acordos, 1.287 foram de fusões e aquisições, 791 de venture capital, 249 de aquisição de ativos e 129 de private equity.

O Brasil liderou a região no número de acordos no acumulado do ano, de acordo com o relatório, seguido por México e o Chile. A Colômbia ficou em quarto lugar, seguida pela Argentina e, por último, pelo Peru, os seis principais mercados de M&A da região.

***

O investimento em startups no México teve um crescimento médio anual de 320% nos últimos cinco anos, segundo dados da Arkangeles, uma instituição financeira coletiva supervisionada pela comissão de valores mobiliários do México (CNBV).

Segundo a instituição, o México responde por 25% do investimento total em startups na América Latina.

O relatório da Arkangeles, que entrevistou 650 investidores, 850 empresas em busca de venture capital e 40 candidatos financiados, foi apresentado durante a Semana Mundial do Investidor.

***

O Mercado Livre investiu na expansão de sua rede de centros de entrega/coleta de bairro no Chile.

A iniciativa transforma diferentes lojas físicas de bairro em locais de armazenamento e entrega de pacotes. Isso dá aos vendedores a oportunidade de enviar seus pacotes pelas lojas. Também permite que os compradores peguem ou devolvam pacotes no momento que for mais conveniente para eles, sem a necessidade de ir a uma agência de logística, afirmou o Mercado Livre.

Um ano após o lançamento do modelo logístico na região metropolitana de Santiago, mais de 500 empresas de bairro operam como centros de expedição do Mercado Livre em todo o país, segundo a companhia.

Além disso, mais de 80% dos vendedores já utilizam esses estabelecimentos para enviar suas vendas, informou a empresa em um comunicado.

***

A multinacional brasileira de serviços de TI Tivit investiu R$ 30 milhões (US$ 5,74 milhões) em 2021 em projetos de inovação, sobretudo no desenvolvimento de novos projetos por meio de seu polo de inovação Tivit Labs, anunciou a empresa.

O Tivit Labs foi criado no início de 2020 para acelerar o desenvolvimento de novas soluções.

A empresa afirma estar presente em 10 países da América Latina e ser fornecedora de soluções tecnológicas para cerca de 70% das 500 maiores empresas da região. No mês passado, a Tivit anunciou a aquisição da chilena XMS para reforçar seu portfólio de nuvem.

***

A Petrobras foi eleita a 16ª empresa que mais interage com o ecossistema de inovação aberta no Brasil e a líder na categoria óleo e gás, segundo o ranking Top 100 Open Corps, que reconhece anualmente as empresas que mais fazem parcerias com startups.

Por meio do Programa Petrobras Conexões para Inovação, a empresa afirma ter lançado chamadas públicas no valor de quase R$ 100 milhões destinadas a startups desde seu lançamento, em 2019.

Só neste ano, os módulos de startups e aquisição de soluções do programa lançaram chamadas no valor de R$ 50,7 milhões, com a publicação de mais de 40 desafios para o desenvolvimento e teste de soluções inovadoras, informou a Petrobras em um comunicado.

***

A fintech brasileira iCred, focada em crédito e empréstimos com inteligência artificial para pessoas físicas e jurídicas, captou R$ 100 milhões por meio de seu Fundo de Investimento em Direitos Creditórios (FIDC).

Lançada este ano, a fintech informou que mais de 600 mil clientes já utilizaram sua plataforma, com 1,2 milhão de simulações de crédito realizadas.

A empresa espera atingir R$ 30 milhões em receita até o final do ano.

Assine a plataforma de inteligência de negócios mais confiável da América Latina. Deixe-nos mostrar nossas soluções para Fornecedores, Empreiteiros, Operadores, Governo, Jurídico, Financeiro e Seguros.

Assine a plataforma de inteligência de negócios mais confiável da América Latina.

Outros projetos em: TIC

Tenha informações cruciais sobre milhares de TIC projetos na América Latina: em que etapas estão, capex, empresas relacionadas, contatos e mais.

Outras companhias em: TIC (Argentina)

Tenha informações cruciais sobre milhares de TIC companhias na América Latina: seus projetos, contatos, acionistas, notícias relacionadas e muito mais.

  • Companhia: Certisur S.A.  (Certisur)
  • CertiSur é uma empresa argentina voltada para a segurança eletrônica pessoal e corporativa, oferecendo múltiplas soluções de segurança digital (transações, senhas e autenticação...
  • Companhia: FiberTel S.A.  (FiberTel)
  • A FiberTel é uma provedora de serviços de banda larga residencial argentina que oferece serviços de banda larga por meio de modem a cabo. Em 2011, a empresa lançou um novo servi...
  • Companhia: ADP Consultores S.R.L.  (Adepcon)
  • ADP Consultores SRL (Adepcon) é uma empresa argentina que presta serviços de consultoria para toda a cadeia de valor SAP. Como parceiro SAP Gold, fornece design de projetos, imp...
  • Companhia: Sistemas Bejerman S.A.  (Sistemas Bejerman)
  • A provedora argentina de software Sistemas Bejerman dedica-se ao desenvolvimento e comercialização de software. Desenvolve ERPs para empresas de médio porte. Também fornece solu...
  • Companhia: Focus Business Solutions S.A.  (Focus)
  • A Focus Business Solutions SA (Focus) é uma empresa argentina de consultoria em TI e provedora de software especializada em gestão da informação, análise de negócios e integraçã...