México , Brasil e Argentina
Notícias

E-commerce na América Latina crescerá 19% ao ano

Bnamericas Publicado: quarta-feira, 04 maio, 2022
E-commerce na América Latina crescerá 19% ao ano

O mercado de e-commerce na América Latina continuará crescendo com um aumento médio anual de 19% até 2025, segundo relatório da plataforma de pagamentos digitais Worldpay.

Entre 2017 e 2021, a região teve a maior expansão, com uma média anual de 22%, segundo o relatório.

A Argentina apresentou o maior aumento anual, com 70% em 2021 em moeda local. Para os próximos anos, o país seguiria a taxa de crescimento global em torno de 26% – uma das mais altas da região.

Segundo dados da Câmara Argentina de Comércio Eletrônico (CACE), o mercado atingiu 1,5 trilhão de pesos (US$ 13,1 bi) em 2021.

O relatório da Worldpay projeta um aumento médio anual de 18% para o Brasil e 17% para o México. O restante dos países da América Latina também manterá um crescimento de dois dígitos.

Os números do provedor de serviços de pagamento online PayRetailers indicam que a América Latina abriga cerca de 300 milhões de compradores digitais, número que deve aumentar mais de 20% até 2025.

PAGAMENTOS DIGITAIS

A indústria de fintech vive um boom na América Latina, com lançamentos, novos unicórnios e a entrada de investimentos.

Mesmo assim, os cartões de crédito são o principal meio de pagamento do e-commerce, representando 39,3% do valor das transações em 2021, afirmou a Worldpay.

O Brasil é o país com mais transações de cartão de crédito por valor, com 44,7%.

“Embora a participação dos cartões de crédito deva diminuir ligeiramente, eles continuarão sendo o único meio de pagamento principal em todos os países da região até 2025”, indica o relatório.

A exceção nesse sentido é o México. Em 2024, as carteiras digitais superariam os cartões de crédito em valor de transação.

Em 2021, as carteiras digitais representaram 19,2% dos gastos com comércio eletrônico e devem atingir um quarto do valor das transações até 2025. No México, as carteiras já representam 27% do valor das transações no comércio eletrônico, e seguirão crescendo até atingir 36%, por volta de 2025.

O relatório projeta uma redução gradual dos meios de pagamento à vista. Os pagamentos de comércio eletrônico estão se afastando do dinheiro na entrega, que representou 3,8% dos gastos regionais em 2021 e cairia para metade em 2025.

Mídias pós-pagas como BoletBancario e Rapipago melhoraram ligeiramente em 2021 e representaram 7,1% do valor da transação de comércio eletrônico em nível regional, mas o relatório projeta uma ligeira queda para 5,4% até 2025.

Espera-se também uma redução nas transações bancárias.

As opções tipo “compre agora, pague depois” crescerão 98% entre 2021 e 2025, mas continuarão a representar uma pequena parte do mercado (2,2%), segundo o relatório.

Assine a plataforma de inteligência de negócios mais confiável da América Latina. Deixe-nos mostrar nossas soluções para Fornecedores, Empreiteiros, Operadores, Governo, Jurídico, Financeiro e Seguros.

Assine a plataforma de inteligência de negócios mais confiável da América Latina.

Outros projetos em: TIC

Tenha informações cruciais sobre milhares de TIC projetos na América Latina: em que etapas estão, capex, empresas relacionadas, contatos e mais.

Outras companhias em: TIC (México)

Tenha informações cruciais sobre milhares de TIC companhias na América Latina: seus projetos, contatos, acionistas, notícias relacionadas e muito mais.

  • Companhia: Scitum, S.A. de C.V.  (Scitum)
  • Scitum SA de CV é uma empresa mexicana controlada pela Telefonos de México SAB de CV (Telmex) e Grupo Carso SAB de CV A empresa fornece segurança da informação na América Latina...