Brasil
Notícias

Maior porto da América Latina estreia sistema de BI para movimentação de cargas

Bnamericas Publicado: quinta-feira, 10 novembro, 2022
Maior porto da América Latina estreia sistema de BI para movimentação de cargas

A Santos Port Authority (SPA), empresa estatal que administra o maior porto da América Latina, o Porto de Santos, no estado de São Paulo, lançou um novo sistema de consulta online para estatísticas de movimentação de cargas para reduzir o atraso de informações e aumentar a visibilidade das operações.

Batizada de Estatísticas Online (EO), a ferramenta de business intelligence foi inteiramente desenvolvida por técnicos do porto com base no software Power BI, da Microsoft, disse Bruno Tolino, superintendente de planejamento portuário, em resposta a uma pergunta da BNamericas em uma conferência promovida para apresentar o sistema.

O investimento na plataforma, que começou a ser desenvolvida este ano, não foi revelado. Segundo Tolino, no entanto, o valor é “insignificante”, já que a maior parte dos recursos estava relacionada à mão de obra interna da SPA.

Para o desenvolvimento do sistema, a SPA recebeu contribuições de empresas que operam terminais no porto, como Brasil Terminal Portuário e DP World, além da consultoria Solve Shipping.

Segundo a SPA, o plano é aprimorar constantemente a plataforma para transformar o EO uma ferramenta com dados atualizados praticamente em tempo real.

“Operamos com um atraso máximo de seis horas entre a movimentação de cargas e o banco de dados que temos internamente na SPA, mas queremos reduzir isso para o menor tempo possível”, disse Bruno Stupello, diretor de desenvolvimento de negócios e regulação da SPA.

O Estatísticas Online disponibilizará os dados mensais no dia 15 do mês seguinte. O sistema de consulta anterior continuará disponível até o final de dezembro. A partir de janeiro, todos os dados de movimentação de cargas ficarão disponíveis apenas no EO.

O sistema conta com um painel de resumo que apresenta comparações mensais e anuais e registros de movimentação, inclusive por tipo de carga.

Informações históricas desde 2005 sobre movimentação de cargas por berço, tipo de carga e terminal, entre outros parâmetros, também estarão disponíveis, informou a SPA.

Atualmente, as informações disponíveis referem-se apenas à movimentação de cargas. A plataforma é padronizada para se conectar, em fases futuras, aos bancos de dados do regulador Antaq e do Ministério da Infraestrutura.

O sistema, inicialmente disponível em formato beta (teste), pode ser acessado aqui.

PRIVATIZAÇÃO E 5G

A nova ferramenta de BI entra em operação em um momento em que a SPA está prestes a ser privatizada.

O processo de venda da administradora portuária está adiantado e os termos do leilão estão em análise final no Tribunal de Contas da União (TCU), mas seu lançamento agora deve ser adiado para 2023.

Com isso, a privatização corre o risco de não se concretizar.

“Ainda não temos sinais claros sobre a posição do governo eleito [de Luiz Inácio Lula da Silva], se ele é a favor das privatizações portuárias”, disse à BNamericas o presidente da associação de terminais portuários ABTP, Jesualdo Conceição da Silva, em uma entrevista recente.

Santos responde por 28% de todo o comércio de mercadorias do Brasil.

Com 15,5 km², o complexo é composto por 55 terminais, sendo 41 alugados e seis de uso privativo.

Leia também: O próximo capítulo para o Porto de Santos no Brasil

Como a BNamericas revelou, a SPA também planeja solicitar uma licença ao regulador de telecomunicações Anatel para desenvolver sua própria rede 5G privada.

A SPA está avaliando três consultorias para desenvolver a rede e atuar como integradora do projeto e interface da autoridade portuária com a Anatel para a licença de serviço limitado privado.

As três empresas são CelPlan Brasil, Lynce Consultoria e Brain Innovation.

Os terminais privados do porto também estão adotando o 5G.

A operadora brasileira de telecomunicações TIM e a fornecedora de equipamentos de rede Nokia foram contratadas para instalar antenas 5G na Brasil Terminal Portuário (BTP), uma das maiores operadoras de terminais de contêineres do Porto de Santos.

O projeto da BTP prevê a implantação de oito sites (antenas e equipamentos relacionados) para cobrir sua área de terminais, além da plataforma Digital Automation Cloud (DAC) da Nokia, contou à BNamericas Renato Bueno, diretor de vendas para indústrias digitais na América Latina da Nokia.

Assine a plataforma de inteligência de negócios mais confiável da América Latina. Deixe-nos mostrar nossas soluções para Fornecedores, Empreiteiros, Operadores, Governo, Jurídico, Financeiro e Seguros.

Assine a plataforma de inteligência de negócios mais confiável da América Latina.

Outros projetos em: TIC

Tenha informações cruciais sobre milhares de TIC projetos na América Latina: em que etapas estão, capex, empresas relacionadas, contatos e mais.

Outras companhias em: TIC (Brasil)

Tenha informações cruciais sobre milhares de TIC companhias na América Latina: seus projetos, contatos, acionistas, notícias relacionadas e muito mais.

  • Companhia: Agência Nacional de Telecomunicações  (Anatel)
  • A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) é o órgão do governo federal que regula as telecomunicações no Brasil. Vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e...
  • Companhia: Argus Media Brasil
  • A descrição contida neste perfil foi extraída diretamente de uma fonte oficial e não foi editada ou modificada pelos pesquisadores da BNamericas, mas pode ter sido traduzida aut...
  • Companhia: Seja Digital EAD  (Seja Digital)
  • A descrição contida neste perfil foi extraída diretamente de uma fonte oficial e não foi editada ou modificada pelos pesquisadores da BNamericas, mas pode ter sido traduzida aut...