Chile
Notícias

Pedidos de licença ambiental diminuem em outubro no Chile

Bnamericas Publicado: sexta-feira, 18 novembro, 2022
Pedidos de licença ambiental diminuem em outubro no Chile

As submissões de projetos ao Serviço de Avaliação Ambiental do Chile (SEA) continuaram diminuindo em outubro, em comparação tanto com setembro quanto com um ano atrás.

Os investimentos mostraram um ligeiro aumento no mês passado graças aos aumentos nos setores de energia, transporte e silvicultura.

Em outubro, 45 projetos foram submetidos ao SEA, quatro a menos que em setembro e cinco abaixo do número do mesmo mês de 2021, mostra o relatório mensal da agência.

Os investimentos chegaram a US$ 1,99 bilhão, ante US$ 1,30 bilhão no mês anterior e US$ 1,97 bilhão há um ano.

O setor de energia liderou as inscrições do mês passado com 13 projetos, dois a mais do que em setembro. E os investimentos passaram de US$ 799 milhões para US$ 1,34 bilhão na mesma comparação.

A mineração ficou em segundo lugar, com 10 projetos, dois a menos que no mês anterior, com investimentos subindo de US$ 11,2 para 25 milhões.

Dois projetos de infraestrutura de transporte no valor total combinado de US$ 99 milhões foram apresentados no mês passado. Não houve inscrições para esse setor em setembro.

O setor florestal teve a apresentação de um projeto no valor de US$ 280 milhões em outubro, após nenhuma apresentação no mês anterior.

Assim como em setembro, os setores portuário e hídrico não tiveram nenhuma submissão.

Os maiores projetos enviados para avaliação no mês passado foram:

  • Conversão da central térmica de Angamos em solar (US$450 mi);
  • Fábrica de produção de painéis de madeira Trupán-Cholguán (US$ 280 mi); e
  • Parque Eólico Pemuco (US$ 230 mi)

No final do mês passado, havia 394 projetos, para um valor US$ 36,7 bilhões em avaliação, em comparação com 564 e US$ 40,1 bilhões no final de outubro de 2021.

APROVAÇÕES

Dezessete projetos foram aprovados em outubro, dois a menos que em setembro, embora os investimentos tenham subido de US$ 1,04 para 2,11 bilhões, graças aos aumentos em energia e mineração.

Em outubro de 2021, foram aprovados 38 projetos, para um valor somado de US$ 1,14 bilhão.

Os maiores projetos aprovados pelo SEA no mês passado foram:

Todos os projetos aprovados em outubro, com exceção de um, foram submetidos a avaliações de impacto ambiental, ao contrário dos estudos de impacto ambiental, que levam mais tempo para serem analisados.

De janeiro a outubro, o SEA aprovou 310 projetos, para um valor de US$ 12,5 bilhões, em comparação com 397 e US$ 16,2 bilhões no mesmo período do ano passado.

Assine a plataforma de inteligência de negócios mais confiável da América Latina. Deixe-nos mostrar nossas soluções para Fornecedores, Empreiteiros, Operadores, Governo, Jurídico, Financeiro e Seguros.

Assine a plataforma de inteligência de negócios mais confiável da América Latina.

Outros projetos em: Água e Resíduos (Chile)

Tenha informações cruciais sobre milhares de Água e Resíduos projetos na América Latina: em que etapas estão, capex, empresas relacionadas, contatos e mais.

Outras companhias em: Água e Resíduos (Chile)

Tenha informações cruciais sobre milhares de Água e Resíduos companhias na América Latina: seus projetos, contatos, acionistas, notícias relacionadas e muito mais.

  • Companhia: Aguas del Altiplano S.A.  (Aguas del Altiplano)
  • Aguas del Altiplano SA é uma subsidiária da empresa chilena Aguas Nuevas, cujo controlador final é uma joint venture entre a japonesa Marubeni e a Innovation Network Corporation...
  • Companhia: Asesoría en Gestión y Ambiente LTDA.  (AGEA)
  • A AGEA foi fundada em 2002 com o objetivo de prestar consultorias ambientais que, adicionalmente, apoiem a gestão estratégica e de qualidade de seus clientes. A AGEA presta os s...
  • Companhia: Veolia SU Chile S.A.  (Veolia Chile)
  • Veolia SU Chile SA (Veolia Chile) é uma subsidiária da espanhola Proactiva Medio Ambiente, controlada pela francesa Veolia Environnement, fornecedora global de serviços ambienta...
  • Companhia: KDM S.A.  (KDM)
  • O grupo KDM Empresas tem sede em Santiago, Chile, e é propriedade do grupo Urbaser Danner, que é formado pela americana The Danner Company e pela espanhola Urbaser. As empresas ...
  • Companhia: Cemento Polpaico S.A.  (Cemento Polpaico)
  • A Cementos Polpaico do Chile dedica-se à fabricação e fornecimento de cimento. É a maior produtora de cimento do país com capacidade instalada de 2,7Mt / a. Seus produtos e serv...
  • Companhia: Aguas Nuevas S.A.  (Aguas Nuevas)
  • A holding hídrica chilena Aguas Nuevas SA foi fundada em 2004 depois de ganhar as concessões finais no processo de privatização da água no Chile, encerrando a transição de ativo...